Quimilokos de Plantão!

Google+ Followers

Buscador QUIMILOKO! [pesquise no próprio Blog e na WEB]

Pesquisa personalizada

Dúvidas?! Entre em nosso Bate Papo Quimiloko!

Fotos da Aula Prática de Perfume - CPMG.AS noturno - 1ºBim. 2009

Educação Inclusiva



QUÍMICA TAMBÉM É INCLUSÃO!


No último final de semana [21 e 22 de março] realizamos no CPMG-AS a primeira Aula Prática de Química [com as turmas dos professores J.J e Thaiza, do turno noturno] deste ano de 2009, com a Produção de Perfumes [fato que veio a ilustrar ainda mais as atividades referentes ao livro e ao filme "O Perfume" trabalhados especificamente com as turmas de 2º ano noturno]. Neste ano temos um diferencial mais que especial. Sim, ESPECIAL! Pois temos o privilégio de estar acompanhando alguns alunos mais que especiais. Na foto [1] você vê um momento teórico, que antecede a prática em si, ministrado pelo [eterno] professor e parceiro de Química Fernando, acompanhado de nossa intérprete de Libras, Dayane.

E não paramos por aí! Logo mais, na foto [2] , você pode ver nosso professor convidado, também grande amigo e parceiro que está sempre nos auxiliando, professor Eduardo, juntamente ao aluno Clayton, nos dando amplo suporte!
Em um site específico sobre Educação Inclusiva, encontrei o seguinte:


A Escola Inclusiva
Por EDUCAÇÃO INCLUSIVA SE ENTENDE O PROCESSO DE INCLUSÃO DOS PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS OU DE DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM NA REDE COMUM DE ENSINO EM TODOS OS SEUS GRAUS. Da pré-escola ao quarto grau. Através dela se privilegiam os projetos de escola, que apresenta as seguintes características:
1. Um direcionamento para a Comunidade - Na escola inclusiva o processo educativo é entendido como um processo social, onde todas as crianças portadoras de necessidades especiais e de distúrbios de aprendizagem têm o direito à escolarização o mais próximo possível do normal. O alvo a ser alcançado é a integração da criança portadora de deficiência na comunidade.
2. Vanguarda - Uma escola inclusiva é uma escola líder em relação às demais. Ela se apresenta como a vanguarda do processo educacional. O seu objetivo maior é fazer com que a escola atue através de todos os seus escalões para possibilitar a integração das crianças que dela fazem parte.
3. Altos Padrões - há em relação às escolas inclusivas altas expectativas de desempenho por parte de todas as crianças envolvidas. O objetivo é fazer com que as crianças atinjam o seu potencial máximo. O processo deverá ser dosado às necessidades de cada criança.
4. Colaboração e cooperação - há um privilegiamento das relações sociais entre todos os participantes da escola, tendo em vista a criação de uma rede de auto-ajuda.
5. Mudando papéis e responsabilidades - A escola inclusiva muda os papéis tradicionais dos professores e da equipe técnica da escola. Os professores tornam-se mais próximos dos alunos, na captação das suas maiores dificuldades. O suporte aos professores da classe comum é essencial, para o bom andamento do processo de ensino-aprendizagem.
6. Estabelecimento de uma infraestrutura de serviços - gradativamente a escola inclusiva irá criando uma rede de suporte para superação das suas maiores dificuldades. A escola inclusiva é uma escola integrada à sua comunidade.
7. Parceria com os pais - os pais são os parceiros essenciais no processo de inclusão da criança na escola.
8. Ambientes educacionais flexíveis - os ambientes educacionais tem que visar o processo de ensino-aprendizagem do aluno.
9. Estratégias baseadas em pesquisas - as modificações na escola deverão ser introduzidas a partir das discussões com a equipe técnica, os alunos , pais e professores.
10. Estabelecimento de novas formas de avaliação - os critérios de avaliação antigos deverão ser mudados para atender às necessidades dos alunos portadores de deficiência.
11. Acesso - o acesso físico à escola deverá ser facilitado aos indivíduos portadores de deficiência.
12. Continuidade no desenvolvimento profissional da equipe técnica - os participantes da escola inclusiva deverão procurar dar continuidade aos seus estudos, aprofundando-os.

O conceito de Inclusão
A inclusão é :
- atender aos estudantes portadores de necessidades especiais na vizinhanças da sua residência.
- propiciar a ampliação do acesso destes alunos às classes comuns.
- propiciar aos professores da classe comum um suporte técnico.
- perceber que as crianças podem aprender juntas, embora tendo objetivos e processos diferentes
- levar os professores a estabelecer formas criativas de atuação com as crianças portadoras de deficiência
- propiciar um atendimento integrado ao professor de classe comum

A inclusão não é :
- levar crianças às classes comuns sem o acompanhamento do professor especializado
- ignorar as necessidades específicas da criança
- fazer as crianças seguirem um processo único de desenvolvimento, ao mesmo tempo e para todas as idades
- extinguir o atendimento de educação especial antes do tempo
- esperar que os professores de classe regular ensinem as crianças portadoras de necessidades especiais sem um suporte técnico.
.
Acredito que estamos no caminho certo!
=]
Tenhamos todos um ótimo dia!
Abraços!!!

"A Private Nature Reserve – Is It Possible?"


"A Private Nature Reserve – Is It Possible?"

Este é o título de um Artigo publicado no site Global Voices - on line por Danilo Gonçalves, sobre as RPPN's [ Reserva Particular do Patrimônio Natural ] e seu uso na Educação.

Neste artigo, tivemos o privilégio de estar participando, uma vez que nosso Projeto do ano passado[2008] sobre Termoquímica e Cinética Química envolvia alimentação, sociedade e meio ambiente e [lembram-se?!] fizemos uma visita à Reserva Ambiental de Educação e Pesquisa Banana Menina, que é uma RPPN situada na cidade de Hidrolândia.

Nosso Projeto foi uma maravilha! E, agora, com este reconhecimento a nível internacional, tenho plena convicção de que foi um verdadeiro SUCESSO!!

Convido a todos que se interessarem, a acessar o link: GLOBAL VOICES , e lerem a reportagem do Danilo na íntegra!

Vale a pena!!
Um forte abraço a todos!

Mais selo! Mais reconhecimento!

Bom dia pessoal!
Mais uma vez recebemos, e com muito orgulho e prazer, um SELO!
Este nos foi dado pela amiga e parceira de blog e educação Professora Elaine.
Muitíssimo grata Elaine! Definitivamente uma honra recebê-lo de você!!
Regras:
1) Exibir a imagem;
2) Linkar o Blog do qual recebeu o prêmio;
3) Escolher 5 Blogs para entregar os prêmios e avisá-los.
E os meus escolhidos são:


Um forte abraço a todos!!!

Estou devendo as fotos da nossa Aula Prática do último Final de Semana[21 e 22 de março/2009]. Logo mais farei os slides. Por hora, se alguém quiser visualizar algumas delas, as encontrarão no meu Orkut, basta clicar em:

AULA PRÁTICA DE PERFUME CPMG-AS 2009

Beijos!!!

Diamante Humano!


Olá Pessoal!!
Mais uma pérola, aliás, diamante [hehehe!] de e-mail que recebi do Professor Esteban, que participa comigo do Grupo "Professores de Química" do Yahoo!
E, sinceramente, adoreeeeeeeei a idéia!
hehehehehe!!
.
"Por que passar o sono eterno debaixo da terra ou então espalhar as cinzas da cremação? Ao custo de alguns milhares de euros e graças a uma sofisticada transformação química, uma empresa suíça agora garante ao falecido reservar seu lugar na eternidade sob a forma de um 'diamante humano'.
Na pequena cidade de Coire, na Suíça, a empresa Algordanza recebe a cada mês entre 40 e 50 urnas funerárias procedentes de todo o mundo. Seu conteúdo será pacientemente transformado em pedra preciosa.
"Quinhentos gramas de cinzas bastam para fazer um diamante, enquanto o corpo humano deixa uma média de 2,5 a 3 kg depois da cremação", explica Rinaldo Willy, um dos co-fundadores do laboratório onde as máquinas funcionam sem interrupção 24 horas por dia.
Os restos humanos são submetidos a várias etapas de transformação. Primeiro, viram carbono, depois grafite. Expostos a temperaturas de 1.700 graus, finalmente se transformam em diamantes artificiais num prazo de quatro a seis semanas. Na natureza, o mesmo processo leva milênios.
"Cada diamante é único. A cor varia do azul escuro até quase branco. É um reflexo da personalidade", comenta Willy.
Uma vez obtido, o diamante bruto é polido e talhado na forma desejada pelos familiares do falecido para depois ser usado num anel ou num cordão.
Já pensou poder levar seu ente querido, depois da morte, em um colar ou anel? Se perguntarem sobre o falecido você vai poder dizer: "Ele é uma jóia". Se roubarem o diamante é que é o problema, você vai ter que gritar: "Roubaram o defunto, pega ladrão"!
O preço desta alma translúcida oscila entre 2.800 e 10.600 euros, segundo o peso da pedra (de 0,25 a um quilate), o que, segundo Willy, vale a pena, já que um enterro completo custa, por exemplo, 12.000 euros na Alemanha.
A indústria do 'diamante humano' está em plena expansão, com empresas instaladas na Espanha, Rússia, Ucrânia e Estados Unidos.
A mobilidade da vida moderna é propícia para o setor, explica Willy, que destaca a dificuldade de se deslocar com uma urna funerária ou o melindre provocado por guardar as cinzas de um falecido na própria casa."
.
.
Abraços pessoal!
Mais tarde passo por aqui novamente! Afinal de contas, ganhamos mais um SELO!
^^!
.

Reconhecimento

Olá pessoal!
Estava falando, em minha última postagem, sobre a questão do RECONHECIMENTO pelo trabalho aqui no blog e tals, e fui surpreendida com mais um DARDO [nosso 5º!!], que nos foi direcionado pela Débora Menezes, do EDUCOMVERDE. Tuuuuuuuuuudo do bom!! Além deste ainda recebemos um outro selo, da minha amiga, sempre presente e, diga-se de passagem também Química [hehehe] Cristiana Passinato, do PESQUISAS DE QUÍMICA. O selo é este logo abaixo:

Regras do selo:
1. Exiba a imagem do selo “Olha que Blog Maneiro!” que você acabou de ganhar.
2. Poste o link do blog que te indicou (muito importante).
3. Indique 10 blogs de sua preferência.
4. Avise aos seus indicados (não esquecer).
5. Publique as regras.
6. Confira se os blogs indicados repassaram o selo e as regras.
7. Envie a sua foto ou de um (a) amigo (a) para olhaquemaneiro@gmail.com juntamente com o link dos 10 blogs para verificação. Caso os blogs tenham repassado o selo e as regras corretamente, dentro de alguns dias você receberá uma caricatura em P&B.
E os meus indicados são:

1) Bloguetando

2) GIBITECA

3) Educando o Amanhã

4) Quimicalizando

5) Na ponta dos dedos

6) Letra Viva

7) Matemática na veia

8) Física e Química

9) Glúon Blog

10) Carbono-14

Bom, é isso aí por hoje!

Espero que gostem!

Bom domingo a todos!!

Fomos 'Dardeados' outra vez! ^^!

Olá pessoal!

Ando muitíssimo feliz com as funcionalidades [e nem sei dizer o termo correto seria esse mesmo, mas tudo bem!rss!] aqui do QUIMILOKOS. A importância que ele anda tendo, e o significado que vem assumindo na rede enquanto formador de opinião, enquanto banco de dados de consulta, enfim enquanto uma página real apesar de estar situado em um ambiente virtual!

Fico realmente muito feliz e satisfeita!

Prova disso são nossos mais de 11 mil visitantes [e isso só agora, depois de torná-lo 'blogspot', a cerca de 1 ano].

Outra prova irrefutável, é outro DARDO que recebemos!!


Isso mesmo! Este é nosso 4º Prêmio Dardos que, desta vez nos foi presenteado pelo parceiro de Blog e Educação Carlos Frederico, do Química, Ciência e Coisa e Tal.

Pra muita gente deve parecer insignificante receber este tipo de 'homenagem', digamos assim, mas pra mim é algo sensacional! É uma maneira de mostrar ao blogueiro que o recebe que sua responsabilidade e seu compromisso com a comunidade estão aumentando, e isto evidencia sua evolução e melhora. Inclusive, diga-se de passagem, são palavras estas do amigo Franz, um dos que me haviam presenteado primeiramente.
Este selo tem a intenção de promover uma rede entre os blogueiros.
O premiado deve, portanto, seguir essas instruções:
1)Deve exibir a imagem em seu blog;
2)Deve linkar o blog pelo qual você recebeu a indicação;
3)Escolher outros 15 blogs a quem entregar o Prêmio Dardos;
4)Avisar os escolhidos.
Então, lá vão os meus escolhidos, tentando repetir o menos possível dentre meus escolhidos anteriormente:
1) Educomverde - da Débora Menezes.
2) Lua Internauta - da Carla Betioli.
3) Caldeirão de Idéias - do Robson Freire.
4) Catequese 2009 - mantido pelo Flávio.
5) TEIA.BIO - do Frederico.
7) Bibliotequices e afins - da Roseli
8) Blogando Idéias - da Joseane
11) Ufa, Bloguei - da Suely Aymone
12) Germinai - do José Antonio Küller
13) Pedagogicamente Blogando - da Vera Cavinato
14) Soft Livre na Educação - da Sinara Duarte
15) Falando em Física - da Joanirse
Bom, espero que gostem!
Forte abraço a todos!!!
^^!

Respondendo questionamentos do Bate Papo e DATAS DE ATIVIDADES A SEREM ENTREGUES PELOS MEUS[AS] ALUNOS[AS]!!

Olá olá!
Bom, atendendo à pedidos de nossa Caixa de Bate Papos:
Paul, encontrei alguns vídeos interessantes contendo Experiências de Solidificação como você pediu. Dê uma olhadinha por lá, ok?! Seguem os links logo abaixo:

BabyBump, quanto ao teu pedido acerca das contribuições dos Químicos em algo dos dias atuais, veja bem:
Sempre, desde que a humanidade é humanidade [risos], alguém contribuiu de alguma forma, com alguma 'coisa' para o desenvolvimento científico e, por consequência, também da sociedade. Na China, as especulações dos alquimistas conduziram ao domínio de muitas técnicas de metalurgia e à descoberta da pólvora. Os chineses foram os inventores dos fogos de artifício e os primeiros a usar a pólvora em combate, no século X. Os objetivos almejados pelos alquimistas [Elixir da Longa Vida e Transmutação] nunca foram alcançados, mas permitiram o desenvolvimento de vários aparelhos e técnicas laboratoriais importantes. Muitos progressos no conhecimento das substâncias provenientes de minerais e vegetais foram obtidos no Ocidente e no Oriente. Desenvolveram processos importantes para a produção de metais, de papiros, de sabões e de muitas substâncias, como o ácido nítrico (chamado na época de aqua fortis), o ácido sulfúrico (oleum vitriolum), o hidróxido de sódio e o hidróxido de potássio. No século XVI , o suíço Theophrastus Bombastus Paracelsus propôs que a Alquimia deveria se preocupar principalmente com o aspecto médico em suas investigações.(Isso ficou conhecido como Iatroquímica). Segundo ele, os processos vitais podiam ser interpretados e modificados com o uso de substâncias químicas. Sua contribuição no diagnóstico e no tratamento de algumas doenças foi digna de nota. Os últimos anos do século XVI e o transcorrer do XVII firmaram os alicerces da Química como Ciência, com a publicação do livro Alchemia , do alemão Andreas Libavius. Nos séculos XVIII e XIX , os trabalhos de Lavoisier, Berzelius, Gay-Lussac, Dalton, Wöhler, Avogadro, Berthelot, Kekulé e tantos outros deram origem à chamada Química Clássica . No século XX , com o grande avanço tecnológico, presenciou-se uma vertiginosa evolução do conhecimento químico. Modernas técnicas de investigação foram desenvolvidas, utilizando conceitos de Química, Física, Matemática, Computação e Eletrônica. A Química tornou-se, então, uma Ciência, que acompanhou todas as etapas da evolução da cultura humana, mas ainda hoje é considerada por muitos como um produto de magia.
E, olha, isso é apenas um pedacinho, eu diria que um 'resumo do resumo muito bem resumido' [mais risos!]de tantas descobertas e contribuições que foram deixadas pelos Químicos ao longo da história da humanidade e que contribuíram para o que ela [a Química] é hoje enquanto Ciência.
.
Espero ter ajudado vocês!!
Um forte abraço a todos!
.

E, lembrando aos meus[as] alunos[as] do CPMG - Ayrton Senna as datas de entrega das Atividades Avaliativas de vocês:

2ºs anos H, I, J, K e L: 13/03/2009

3ºG:16/03

3ºH:17/03

3ºI:18/03

3ºJ:19/03

3ºK:20/03

Jogos Químicos!

Olá pessoal!
Tenho recebido muitos pedidos acerca de Jogos de Química, ou Jogos para se utilizar em Aulas de Química.
Bom, um material bastante novo, e que eu gosto muito, é o do Professor Márlon Soares:
Jogos para o Ensino de Química: teoria, métodos e aplicações.

Sinopse do Livro: A idéia desse livro é discutir os principais referenciais teóricos que tenham relação com os jogos em educação, sem perder de vista que muito ainda pode ser discutido e que nem todos os autores que trabalham com a temática foram aqui incluídos. Atividades são propostas, porém algumas delas são sugestões de ação e outras, nem mesmo estão completas, para possibilitar que o professor possa colocar suas próprias características no jogo, considerando-se as especificidades culturais de cada região do país. Mas mesmo assim, caso o professor não queira fazer alterações significativas nos jogos, disponibilizamos ao leitor um endereço de internet com as peças, cartas, brinquedos necessários para a execução do jogo em sala de aula em cada um dos tópicos relacionados a sugestões de jogos. Propomos o jogo como uma realidade em sala de aula, pois vivemos em um mundo muito diferente, no qual nos comunicamos via computador e celular, que principalmente para o adolescente de hoje, é um acessório similar a um relógio, isto é, fundamental. Tudo evolui de maneira muito rápida, no entanto, parece-nos que a escola continua a mesma de 300 anos atrás. O jogo aqui surge como uma alternativa para o professor, como modo de motivar o aluno para o estudo da química, tirando-o de uma atitude passiva em sala de aula, aproximando o professor e o aluno, facilitando o processo de ensino-aprendizagem. Atualmente, uma das grandes preocupações dos professores diz respeito a como "segurar" a atenção aluno, ainda mais agora, que a maioria dos estados do Brasil adotou um sistema de aprovação continuada do estudante e os professores reclamam ainda de terem perdido o que eles próprios chamavam de "poder do professor", relacionado a aprovação ou não do aluno, ao final do ano letivo. Em todos os cursos que ministro, seja na Universidade Federal de Goiás, seja em outras instituições do Brasil, os professores clamam por novas estratégias que chamem a atenção dos alunos e os tirem de uma atitude de descaso em sala de aula. Os jogos vêm sendo uma alternativa simples, viável e que desperta o interesse nos alunos e ainda motiva-o de várias maneiras. Pouco se tem em relação a literatura de jogos voltada para área de química, mesmo internacionalmente. Há muito a área de pedagogia e matemática se apropriaram de tais estratégias, porém pouco se vê sobre o uso de lúdico na área de ensino de ciências e este livro procura suprir esta lacuna. Em outro aspecto, sabemos que a educação pode mudar o país. Há sempre pessoas compromissadas com o ensino de uma maneira geral. É importante salientar que estas pessoas também estão presentes no nível médio de ensino, esperançosos em transformar seus alunos em cidadãos conscientes de seus direitos e deveres. Há ainda aquelas pessoas dentro das universidades que também se preocupam em formar um bom profissional e que estão preocupados com o andamento de nosso nível médio de ensino, que futuramente nos fornecerá alunos em nível superior. A grande tentativa é interromper um ciclo vicioso de má formação de professores que formarão maus alunos que serão maus profissionais. É importante que surja novos experimentos para serem aplicados em salas de aula, como forma de diversificar a atuação docente, mas deve-se lembrar que quando se sugere experimentos de baixo custo, de fácil e rápida execução, que servem para auxiliar e ajudar o professor que não conta com material didático, não podemos esquecer que o nosso papel é cobrar das autoridades competentes, laboratórios e instalações adequadas bem como materiais didáticos, livros, entre outros, para que se tenha o mínimo necessário para que se desenvolva a prática docente de qualidade. Quando se propõe jogos e atividades lúdicas, propõe-se uma forma de divertimento junto com a aprendizagem, para também quebrar aquela formalidade entre alunos e professores além de socializá-los e fazê-los construir conjuntamente o ensino. Salienta-se ainda que as propostas aqui contidas podem e devem ser melhoradas e desenvolvidas diferentemente, conforme as idéias próprias, ambientes diversos e vontade de pesquisa-ação do professor responsável por sua aplicação. Além disso, o professor pode contar com idéias e propostas dos próprios alunos para melhorar ainda mais os jogos e as atividades lúdicas. A pergunta: "pode-se ensinar brincando?" foi feita em algumas ocasiões de aplicação das atividades lúdicas aqui descritas e é o que se responde neste trabalho, não só aos professores de ensino médio que perguntaram e que trabalharam conjuntamente para que este trabalho fosse executado, mas também ao próprio autor, proponente deste que outrora foi um projeto de pesquisa, depois uma tese, e agora é um livro.

Caso queira adquirir um volume, você poderá encontrá-lo no site da Editora Exlibris.

Espero que gostem!
Ótimo final de semana a todos!!!
p.s.: Perceberam a 'CARA NOVA' do QUIMILOKOS?!
hehehehe!!!

Versatilidade em uso de Polímeros

Olá pessoal!
Ao primeiro contato com a internet hoje levei um susto ao ler o título de uma reportagem na página principal da UOL, que dizia o seguinte: "Neozelandesa com pernas amputadas ganha rabo de sereia".
Mulher que teve as duas pernas
amputadas na infância, ganhou
cauda de sereia...
...uma roupa especial desenvolvida pela

empresa Weta Workshop para que possa nadar.


Como toda curiosa que se preze e, Quimiloka de plantão, fui correndo ler a reportagem, que traz umas informações acerca do material do qual foi produzida a "cauda" de Nadya Vessey: "O rabo possui uma estrutura de policarbonato, material também usado na nadadeira. A "pele" é feita de uma camada de neoprene, revestida de lycra e impressa digitalmente com "escamas".

Vamos a algumas definições, portanto:

  • Neopreno (ou neoprene): é o nome comercial de um elastômero sintético (C4H5Cl) baseado no policloropreno da família das borrachas. Foi inventado pelos cientistas Elmer K. Bolton do laboratório de DuPont, que se baseou em pesquisas de Julius Arthur Nieuwland, um professor de química na Universidade de Notre Dame.
    A pesquisa de Nieuwland foi focada na quimica do acetileno e resultou no
    acetileno divinyl, uma geléia que se firma em compostos elásticos similar à borracha quando passada sobre o dicloreto de enxofre.
    O neopreno (originalmente chamado de Duprene) era o primeiro composto de borracha sintética a ser produzido em massa. É usado em uma variedade larga dos ambientes, como em roupas de mergulho, da isolação elétrica, nas correias de ventilador do carro e até em materiais promocionais.
  • Policarbonato: Esse material relativamente novo é, na verdade, um dos mais avançados polímeros no campo dos plásticos, sendo considerado um plástico de engenharia, ou seja, um material que reúne características de resistência que o qualifica para aplicações de alta exigência.
    Obtido através de ésteres de ácido carbônico, o policarbonato pode ser transformado em uma chapa que reúne três importantes qualidades: a beleza e a transparência do vidro; a resistência do aço, que a torna virtualmente indestrutível; e a praticidade semelhante à do acrílico, uma vez que sua alta flexibilidade facilita o manuseio.
    No ano de 1959, a General Electric pesquisava um tipo de baquelita (resina sintética obtida pela condensação de fenóis com aldeído fórmico) e conseguiu chegar ao policarbonato, por meio de um sistema de polimerização patenteado, surgindo assim a chapa de policarbonato que recebeu o nome de Lexan [marca registrada GE].
    Mais leve que o vidro, resistente como o aço, a chapa de Lexan vem revolucionando o mercado da Construção Civil. De todos os materiais transparentes disponíveis atualmente no mercado, as chapas de policarbonato são as que oferecem um número maior de vantagens:
    Resistência ao impacto, Curvatura a frio, Leveza, Resistência aos raios ultravioleta, Atendimento a códigos de flamabilidade, Transmissão de luz.
    Com todas essas vantagens, as chapas de policarbonato são atualmente a solução ideal para as mais diversas aplicações que buscam uma iluminação natural, com beleza e segurança. Essa versatilidade permite seu uso nos mais diversos lugares: escolas, indústrias, shoppings, supermercados e residências, entre outros.

E, agora, além de todas essas vantagens e utilizações citadas, vemos também esta mais nova, de uso pessoal, na qual foi criada esta nadadeira! A reportagem é, no mínimo, interessante! Vale a pena dar um pulinho ao link e ler um pouco mais!

Forte abraço a todos que sempre passam por aqui e deixam suas 'marcas'!!

Loading...